sábado, 31 de maio de 2014

TERROR JUDAICO SIONISTA NA UCRÂNIA -TERRORISTAS FUZILARAM MEMBROS DA COMISSÃO ELEITORAL


25 Maio, 20:22

Membros da comissão eleitoral foram fuzilados nos arredores de Lugansk

Lugansk, Ucrânia, eleções

Membros da comissão eleitoral foram fuzilados em Novoaidar, região de Lugansk, por se terem recusado a abrir a seção de voto, informou a RIA Novosti um porta-voz da República Popular de Lugansk, que proclamou a independência.

“A nossa esquadra informou que, em Novoaidar, o destacamento batalhão Dnepr fuzilou membros da comissão que se recusaram a abrir a seção de voto”, declarou ele.
Segundo as suas palavras, está a precisar-se o número de vítimas.
Na Ucrânia, em 22 de fevereiro, ocorreu uma mudança de poder com indícios de golpe de Estado. Uma série de regiões no sudeste do país não reconheceu a legitimidade das novas autoridades. Os adeptos da independência nas regiões de Donetsk e Lugansk realizaram referendos e proclamaram repúblicas independentes, que já começaram a formar os próprios órgãos de poder. Eles declararam também que não pretedem realizar na região as eleições presidenciais da Ucrânia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário