segunda-feira, 19 de junho de 2017

'Terrorismo sob a capa de Estado': mídia norte-coreana critica campanha dos EUA na Síria

Bandeira da Coreia do Norte nas ruas de Pyongyang. 11 de abril, 2012

'Terrorismo sob a capa de Estado': mídia norte-coreana critica campanha dos EUA na Síria

© AFP 2017/ PEDRO UGARTE
Ásia e Oceania
URL curta
179 0 0

A agência estatal da Coreia do Norte, KCNA, acusou os EUA de realizarem uma campanha de terrorismo estatal na Síria, acrescentando que Washington prejudica a ação do governo sírio para preservar a integridade territorial do país.

"Com as ações terroristas sob a máscara de Estado, os EUA estão impedindo o governo sírio de preservar a integridade territorial do país. É como se fosse um obstáculo, enquanto os mísseis e bombas dos ianques matam pessoas inocentes em partes diferentes do mundo", disse a mídia.

A Rússia tem apoiado Damasco na sua luta contra o terrorismo desde o início da guerra na Síria em 2011, realizando operações aéreas antiterroristas contra os islamistas a partir de 2015. Além disso, Moscou envia regularmente à Síria ajuda humanitária.
Os EUA também estão envolvidos no combate ao terrorismo na Síria, sendo líder da coalizão internacional que luta contra o grupo Daesh, proibido tanto na Rússia como na síria.
No entanto, a KCNA insiste que as atividades militares dos EUA na Síria são cada vez mais e mais escandalosas. De acordo com a agência, os EUA são "o elemento-chave do terrorismo internacional", "destruindo a paz e a segurança no mundo".

Nenhum comentário:

Postar um comentário