domingo, 28 de maio de 2017

Mais de 10 mil israelenses protestam contra a ocupação da Palestina

Manifestación en Tel Aviv contra la ocupación israelí de los territorios palestinos

Mais de 10 mil israelenses protestam contra a ocupação da Palestina

© REUTERS/ Amir Cohen

Mais de 10 mil pessoas se reuniram em Tel Aviv para protestar contra a ocupação israelense dos territórios palestinos e mostrar o seu apoio à solução de dois Estados para o conflito entre palestinos e israelenses.

Com o slogan "dois estados, uma esperança", a manifestação protestava "contra 50 anos de ocupação". O ato foi arganizado pela ONG "Paz Agora".
O líder da oposição e chefe do Partido Trabalhista, Isaac Herzog, que foi vaiado ao discursar no palco montado na Praça de Rabin, acusou o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, de desperdiçar a oportunidade para fazer avançar o processo de paz no ano passado. "Os líderes em Israel hoje se movem, em primeiro lugar, por medo […] O medo da mudança, medo de ousar, medo da iniciativa e medo da esperança. O primeiro-ministro israelense é a cabeça do medo", disse Herzog.
Durante o comício, umfoi lida uma mensagem do presidente palestino Mahmoud Abbas.
"Não há voz mais forte do que uma paz justa e inclusiva da mesma forma que não existe uma voz mais alta do que o direito de um povo à autodeterminação e à libertação do peso da ocupação", diz a mensagem de Abbas.

Telegram
Siga Sputnik Brasil no Telegram. Todas as notícias mundiais do momento em um só canal. Não perca!

Nenhum comentário:

Postar um comentário