sábado, 27 de maio de 2017

Autoestrada que prolongará Ponte da Crimeia começa a ser construída

Vista para cidade crimeana de Sevastopol, foto de arquivo de 7 de março de 2014

Autoestrada que prolongará Ponte da Crimeia começa a ser construída

© AFP 2017/ Filippo MONTEFORTE
Rússia

A cerimônia de colocação da primeira pedra marcou o início formal, em 12 de maio de 2017, da construção da autoestrada Tavrida, projeto gigantesco de infraestrutura que “prolongará” a ponte da Crimeia através de toda a parte meridional da península.

A estrada, com uns 250 quilômetros de comprimento, ligará as maiores cidades da Crimeia — Kerch, Simferopol e Sevastopol — com a parte continental da Rússia através da ponte sobre o Estreito de Kerch, criando uma via ininterrupta.
A realização da maior parte do projeto, batizado como Tavrida, nome histórico da Crimeia com o qual a península foi incorporada no Império Russo em 1783 — coincidirá com a inauguração da Ponte da Crimeia em 2018, o que permitirá absorver o aumento do tráfego.
Em 2020, a autoestrada já deverá estar completamente pronta.
O projeto prevê reconstruir uns 125 quilômetros das estradas existentes e construir outros 125 quilômetros "do zero". O custo do projeto se eleva a uns 139.000 milhões de rublos — ou seja, quase 8.000 milhões de reais.
A estrada permitirá velocidades de até 120 km por hora e incluirá cerca de 90 pontes e viadutos, 17 ligações rodoviárias e 30 passarelas.
​O novo projeto será "a principal estrada da península" que impulsionará o desenvolvimento de todos os territórios e cidades vizinhas, asseguram os funcionários da Agência Federal de Estradas (Rosavtodor) da Rússia, citados pela edição Rossiyskaya Gazeta.
Telegram
Siga Sputnik Brasil no Telegram. Todas as notícias mundiais do momento em um só canal. Não perca!

Nenhum comentário:

Postar um comentário