segunda-feira, 28 de setembro de 2015

ONU 70a. - DISCURSO DE PUTIN DEMONSTRA QUE A RÚSSIA É UM PAIS DIGNO E CONFIÁVEL, EXATAMENTE O CONTRÁRIO DOS EUA DOS JUDEUS SIONISTAS

O presidente russo, Vladimir Putin, discursa na 70ª Assembleia Geral da ONU

Em 10 frases, o discurso de Putin na ONU

© REUTERS/ Mike Segar
MUNDO
URL curta


70ª Assembleia Geral da ONU (43)

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, protagonizou um esperado discurso na 70ª Assembleia Geral da ONU, nesta segunda-feira, quando esclareceu as posições tomadas por seu país. Leia um resumo do que ele disse.

Putin não surpreendeu em seu discurso, apesar do que vem sendo relatado recentemente como uma escalada na tensão após seu envio de ajuda à Síria e o compartilhamento de informações relacionadas à luta contra o Estado Islâmico. O pronunciamento do líder russo, contudo, contrastou fortemente com o discurso do presidente dos EUA, Barack Obama, que tenta impor sua ideologia e pede o fim do governo de alguns líderes de estados soberanos.


1. A ONU: onde o mundo trabalha pelo comprometimento
Putin classificou a visão da Rússia sobre ONU como um órgão que os países têm como referência para comprometimento, e não como um órgão que serve para autenticar certa decisão "necessária". Enquanto isso, outros estados (Putin faz referência aos EUA) veem essa estrutura como um obstáculo. 



"Durante a fundação da ONU, não se presumia que o consenso reinaria aqui. O objetivo da organização, em essência, consiste em encontrar e trabalhar por compromissos, e sua força está em considerar diferentes pontos de vista."
2. O pós-Guerra Fria

Putin alertou que enquanto a ONU precisa mudar, alterar sua legitimidade seria extremamente perigoso.

"Seria um mundo onde em vez de trabalho de equipe, o egoísmo ditará regras. Será um mundo em que há mais ordens e menos igualdade, menos democracia e liberdade, um mundo onde em vez de estados verdadeiramente independentes, os protetorados e territórios controlados de longe se multiplicarão."


3. Somos todos diferentes, e isso deve ser respeitado

"Ninguém precisa se ajustar a um modelo de desenvolvimento reconhecido por alguém como único e eterno."

Putin trouxe à tona o exemplo da União Soviética, que também usou motivações ideológicas para exportar experiências sociais, comentando que "parece que ninguém aprende com os erros dos outros, mas só repete esses erros."


4. "Vocês percebem o que fizeram?"

Foi uma das frases de Putin mais marcantes durante todo o discurso, no qual os EUA nunca são citados por nome. O líder russo refere-se ao país como "único centro de domínio" do pós-Guerra Fria e alerta os EUA sobre as consequências de suas decisões.

"Temo que a questão ficará no ar porque a política que tem em sua base a convicção em seu próprio excepcionalismo e a impunidade ainda não foi abandonada."


5. Um vácuo de poder para o extremismo

"Já está evidente que o vácuo de poder que houve em um número de países do Oriente Médio e no norte da África levou à criação de zonas de anarquia, que foram imediatamente preenchidas por extremistas."

Putin também reforçou que o Estado Islâmico não apareceu do nada e afirmou que o grupo foi inicialmente incentivado como arma contra regimes seculares indesejados.



6. Uma coalizão

Putin pediu uma ampla coalizão contra o terrorismo, algo que ele tenta implementar desde os ataques terroristas de 11 de setembro de 2011, nos Estados Unidos. Na época, o líder russo sugeriu a ideia ao então presidente americano, George W. Bush. 

"Estamos sugerindo não sermos guiados por ambição, mas por valores e interesses mútuos. Unir nossos esforços baseados na lei internacional e solucionar as questões que estamos enfrentando, e criar uma coalizão verdadeiramente ampla e internacional contra o terrorismo."

Putin também disse que países muçulmanos devem se tornar participantes-chave da coalizão e convocou líderes religiosos muçulmanos a usarem sua autoridade para evitar o recrutamento de novos combatentes por parte de extremistas.


7. Restaurar Estados

Putin disse também que restaurar o status de Estado a países como Líbia e Síria, que o perderam em consequência de seus conflitos, é uma das chaves para solucionar a questão do grande número de refugiados deixando essas regiões.

"Os refugiados precisa de apoio e compaixão, mas esta questão só pode ser resolvida radicalmente onde for restaurado o status de Estado."

8. Solução para a questão da Ucrânia

Putin declarou que a Ucrânia, como outros países pós-soviéticos, foi forçada a escolher entre o Ocidente e o Oriente, o que levou o país à guerra civil após o golpe de 2014. O presidente russo classificou a implementação dos Acordos de Minsk como a única maneira de resolver a questão.

"É impossível garantir a integridade da Ucrânia por meio de ameaças ou força, mas isso precisa ser feito. É necessária uma consideração verdadeira dos interesses e direitos do povo em Donbass. É preciso respeitar sua escolha e coordenar com eles elementos-chave do sistema político do estado, conforme estipulado pelos Acordos de Minsk."



9. TPP e TTIP

Putin criticou a criação de blocos exclusivos de comércio e afirmou que eles vão de encontro à ideia da Organização Mundial do Comércio (OMC) e aos princípios de livre comércio, assim como o uso de sanções econômicas politizadas para que sejam alcançados os próprios objetivos de alguns países.

"Talvez queiram nos colocar diante do fato de que as regras do jogo foram reescritas, e reescritas a favor de um pequeno círculo de escolhidos, sem a participação da OMC. Isto pode levar a um completo desequilíbrio do sistema de comércio, à fragmentação do espaço econômico global."


10. A mudança climática

Putin também pediu novas abordagens para resolver a questão climática, tais como a introdução de novas tecnologias que não só não prejudiquem o meio-ambiente, mas que existam em harmonia com ele. Putin também ressaltou o esforço da Rússia nessa área.

"Dentro dos moldes de nossa contribuição nacional, até 2030 estamos planejando cortar nossa emissão de gases  em 70-75% em comparação com os níveis de 1990."


Leia mais: http://br.sputniknews.com/mundo/20150928/2260977/putin-onu-discurso-10-dez-frases.html#ixzz3n5w12W4y

Paulo Mendes · 
Trabalha na empresa NASCI PARA CANTAR

A Russia tem um presidente sábio, diplomático e que ficará para a história do nosso mundo. Ás vezes a minha fé em Deus anda em baixo, mas é nestes momentos cruciais para a humanidade que me leva a acreditar no Deus que protege os mais fracos, e o facto de aparecer este Homem como presidente da Russia, acho que é obra de Deus. Putin é o presidente não só da Russia mas de todos aqueles que se sentem oprimidos pelo império do mal (EUA/UE). Viva Putin...
Curtir · Responder · 27 · 7 h
Yamada Kubota · 

GOSTEI DO SEU COMENTÁRIO paulo mendes ME EMOCIONEI E LACRIMEJEI ESSE É O MESMO PENSAMENTO MEU, QUEREM LIQUIDAR ELE E A RUSSIA PORQUE SABEM QUE ALI ESTÁ O VERDADEIRO FILHO DE DEUS A TENTAR NOS AJUDAR.
Curtir · Responder · 10 · 5 h
Marcio Santos Nascimento · 

Que comentário fantástico. Parabéns! Tbm tenho o mesmo pensamento. Viva a Rússia, viva a Putin.
Curtir · Responder · 5 · 4 h
Ramom Pereira · 

Os EUA reativaram a “guerra fria”, só foi Vladimir Putin confirmar presença na assembleia da ONU para esta segunda 28/09/15, (ato que não acontecia desde de 2005), para a NASA emitir um comunicado com um dia de antecedência a todos os veículos da mídia, que na mesma segunda (28/09/15), no mesmo horário, ia ter notícias reveladoras sobre marte, tentando com isso ofuscar o discurso dele, pois já não era segredo para ninguém, que Putin iria com palavras e argumentos fortes contra eles.
Curtir · Responder · 7 · 2 hEditado
Carlos Medeiros · 

Vladimir Putin arregaçou o discurso mentiroso de Obama na ONU! Finalmente, há um balizamento na geopolítica, e nasce uma nova ordem mundial.
Curtir · Responder · 9 · 6 h
Jorge Jose · 

"Não pode existir um mundo com mais ordens e menos igualdade"(sic-Pres. Putins na Assembleia Geral da ONU). Essa deverá ser o ordenamento para um mundo democratico, respeitador da leis provedor da Paz!
Curtir · Responder · 4 · 6 h
Jose Carlos Ziolkowski · 

A Russia, atraves de seu lider maximo, demonstrou soberania e independencia, sendo firme nos principios de democracia e de liberdade, e um ponderado respeito aos desiguais e aos mais fracos. Deixou claro que ninguem é excepcional, como se auto consideram os americanos. Se alguem merece o titulo de excepcional é o maior lider da atualidade, o presidente Putin, embora sua simplicidade e o conceito de si proprio, não o elevam assim.
Curtir · Responder · 3 · 4 h
Patrik Barbosa De Oliveira · 

Vladimir Putin um Grande Presidente um Grande Estadista
Curtir · Responder · 3 · 4 h
Bernardo Makuala Makuala
Putin detonou as mentiras do Tio Sam. É bom sermos coerentes, assumirmos os nossos compromissos de acordo com as leis internacionais e procurarmos respeitar sempre a vontade de outros povos.
Curtir · Responder · 2 · 6 h
Jorge Garcia Carvalho
Equilíbrio, maturidade política, discernimento sobre o verdadeiro problema mundial, além de muita moderação.

Parabéns Putin, realmente não há necessidade de esticar a corda.

É possível sim resolver os problemas pela diplomacia e solidariedade sincera e honesta baseada no respeito pelas diferenças de perspectivas.
Curtir · Responder · 1 · 3 h
Jaime Miranda · 

Arrasou e de que maneira! Pôs a nu toda trafulhice americana. Obama está aquem de Putin, mil léguas. Putin é o verdadeiro LÍDER MUNDIAL! América vive só de sacanagem!
Curtir · Responder · 1 · 3 h
Mario Silveira · 

Não é pelo fato de serem mulçumanos , é que tem eles o dirieto univbersal de serem despotas ditadores terroristas coontradizendo a nossa Era . Muito pelo contrário se encontram nas desgraças satânicas rumo aos infernos na Ira de Deus , eles e os débeis que os apoiam ,na barbarie dos assaltos imperialistas regrados nos crimes de lesa humanidade..
Curtir · Responder · 1 · 3 h
Júlio Vlackntela N'tchama · 

a verdade é mas forte ( tipo malaqueita) que qualquer coisa no Mundo!
não precisa procurar o consultor.
Curtir · Responder · 1 · 6 h
Jorge Jose · 

'Alea jact est', a sorte esta lançada e o Rubicão vadeado. Quem viver verá.
Curtir · Responder · 1 · 6 h
Jose Gutemberg Oliveira Fernandes · 

a humanidade estará a salvo enquanto putin for vivo, Deus em sua gloria nos mandou esse lider sábio, humilde, poderoso,genoroso e fiel a deus.
Curtir · Responder · 3 h
Ademir Pereira · 

AGORA NÓS ESTAMOS ACREDITANDO QUE EXISTE ALGUEM PREOCUPADO EM DEFENDER A SOBERANIA E OS COSTUMES DOS PAÍSES MENORES QUE ATÉ ENTÃO NÃO ESTÃO SENDO RESPEITADOS.
Curtir · Responder · 3 · 5 h
Cicero Lowblony Rocha · 

A NASA ESCOLHE O DIA CERTO PARA RELATAR SUA DESCOBERTA QUE EM OUTRA HORA JA HAVERIA COMO HIPOTSE, PARA DESVIAR A TENÇÃO DO MUNDO PARA OS ERROS DOS EUAS NO MUNDO ÁRABE QUESTIONADO NA ONU E QUE TEM SUAS CONSEQUENCIAS AFLORADAS ATUALMENTE E O OBAMA TEM UM DISCURSO QUE NÃO É PESSOAL MAS DE CONGRESSISTAS, INDIRETO DO ASSAD PARA O PUTIN COMO TIRANO, POR NÃO SE CURVAREM AOS EUAS E SEUS PUXAS SACOS EUROPEUS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário