quinta-feira, 27 de agosto de 2015

VACINAS ANTI-AIDS - MAIS UMA FARSA DOS LABORATÓRIOS JUDAICO SIONISTAS


Sanofi que Distribuiu Remédios Contaminados com HIV nos Anos 80 Agora Inventa Vacina com 31 de Su
Havíamos divulgado aqui meses atrás como o laboratório Sanofi-Pasteur Judaico Sionista, o mesmo laboratório que irá fornecer as vacinas contra a gripe suína no Brasil, esteve envolvido em um dos piores escândalos envolvendo laboratórios farmacêuticos judaico sionistas, quando juntamente com outros laboratório, comercializou medicamento contaminado com o vírus HIV para vários países no mundo inteiro, resultando em milhares de pessoas contaminadas. O mais horroroso desta história é que estas empresas estariam cientes da contaminação, mas não queriam arcar com o prejuízo.

Agora este mesmo laboratório, em conjunto com a Global Solutions for Infectious Diseases, formada pelos ex-funcionários da VaxGen e o Ministério da Saúde da Tailândia, anunciou que as vacinas para a AIDS apresentaram uma taxa de sucesso de até 33 porcento.
As vacinas são ALVAC, da Sanofi Pasteur, a divisão de vacinas do laboratório Sanofi-Aventis, e AIDSVAX, originalmente desenvolvida pela VaxGen e agora é propriedade da Global Solutions for Infectious Diseases.

Este número de 33% é um pouco enganoso no entanto, veja como funciona. Os testes foram feitos em 16 mil voluntários na Tailândia. Os resultados mostraram que novas infecções ocorreram em 51 dos 8.197 aos quais foram dados vacina e 74 dos 8.198 que receberam placebo. Fazendo as contas, a vacina diminui a chance de infecção em 31%. Isto não quer dizer necessariamente que quem receber a vacina terá 33% de proteção contra o vírus.
Fiquei curioso em saber quantos tiveram complicações por causa da vacina. Fazendo uma pesquisa rápida, não consegui achar nenhuma informação.

Os pesquisadores informaram ainda que a vacina parece ter efeito apenas na cepa de HIV que circula na Tailândia e pode não funcionar com outras cepas existentes em outros lugares do mundo, est claro que é mais uma mentira dos JUDEUS SIONISTAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário