quarta-feira, 15 de julho de 2015

EUA JUDAICO SIONISTA - Cientista político: até um adversário fraco pode vencer exército dos EUA

Jorge Jose · 
O mundo atual já tem sobejamente conhecimentos, de como deverá ser as relações entre as Nações. A questão de uma exclusiva grande potência[g1=100%], não é mais aceitavel no planeta. As esperiências antigas dos impérios romanos e, consequentemente, o mais conhecido hodiernamente que seria o do Napoleão, esclarecem que, qualquer império por mais poderoso militarmente que seja, não tera condições demanter-se 'ad eternum'. No resumo da das historias imperiais, teremos: por mais poderoso e bem armado o exercito imperial, necessáriamente, precisará do apoio das populações em sua volta, ou seja, as relações, indeclinavelmente, precisarão, tão somente, do contexto politico[não militar], o que em linguagem moderna[com toda a gama de conhecimento que o mundo tem] é da DIPLOMACIA & DIALOGO. A guerra perene jamais será ganha por nenhum exército.
Johnny Viana · 
esperiencias???
Curtir · Responder · 29 de junho de 2015 13:21
Anderson Soares
Poxa, profeçô de portugueis puraqui tá pió qui mato! Emoticon tongue

Nenhum comentário:

Postar um comentário