segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

DONETSK CONVOCA 100 MIL CONTRA KIEV E EUA PROMETEM MAIS ARMAS À UCRÂNIA


2 Fevereiro, 14:07
Donetsk decreta mobilização de 100 mil homens e EUA podem fornecer armas letais à Ucrânia. 
Ucrania, EUA, exercito, armamentos, confrontos, Donetsk

Foto de arquivo. Exército ucraniano

O comandante militar das forças dos EUA e OTAN na Europa, general Philip Breedlove e outros representantes da Casa Branca e Pentágono apoiam cada vez mais a ideia de fornecimento de armamentos letais à Ucrânia, escreve o The New York Times citando suas próprias fontes.

O presidente estadunidense Barack Obama ainda não tomou a decisão sobre tal ajuda militar a Kiev mas os acontecimentos das últimas semanas, quando o exército ucraniano teve que recuar, fez os responsáveis norte-americanos reconsiderar esta questão.
O secretário do Estado John Kerry que visitará Kiev nesta quinta-feira (5) está pronto a discutir o assunto do fornecimento de armas com o lado ucraniano, diz o jornal.
Espera-se que nesta segunda-feira (2) seja publicado um relatório preparado por oito antigos altos funcionários estadunidenses que apelam às autoridades dos EUA para fornecer à Ucrânia armamentos num montante de 3 bilhões de dólares, inclusive mísseis antitanque, drones, blindados e radares.
Antes disso, a Casa Branca só fornecia à Ucrânia armas não letais – meios de comunicação,coletes à prova de balas e equipamentos de visão noturna.
Ao mesmo tempo o líder da República Popular de Donetsk (RPD) Alexander Zakharchenko anunciou a mobilização total, porém sublinhou que esta mobilização será voluntária.
“A mobilização começará daqui a 11 dias, está planejado mobilizar 100 mil pessoas”, divulga a Agência de Notícias de Donetsk citando Zakharchenko.
Como explicou o líder da República autoproclamada, os homens mobilizados terão treinamento militar durante um mês.
Kiev está realizando desde meados de abril uma operação militar para esmagar os independentistas no leste da Ucrânia, que não reconhecem a legitimidade das novas autoridades ucranianas chegadas ao poder em resultado do golpe de Estado ocorrido em fevereiro de 2014 em Kiev. Segundo os últimos dados da ONU, mais de 5.000 civis já foram vítimas deste conflito.
Desde 9 de janeiro, a intensidade dos bombardeios na região intensificou-se, aumentou o número de vítimas do conflito.
O Ministério da Defesa da Ucrânia anunciou que as Forças Armadas ucranianas estão a aumentar os efetivos em todas as zonas onde ocorrem combates. Os independentistas, por seu turno, declararam que fizeram “avançar a linha da frente” para evitar os bombardeios de zonas residenciais das cidades por parte do Exército ucraniano.
A Rússia considera que os últimos acontecimentos na região de Donbass comprovam os piores receios: Kiev tenciona resolver a situação por via militar.

  • #Daniela BibiDaniela Bibi 2 Fevereiro, 14:13
    Isso a mídia corrupta brasileira não fala.
  • #Zé Chico ChicoZé Chico Chico 2 Fevereiro, 14:33
    No dia em que os EUA sofrem bombardeio em seu próprio solo, esse governo de canalha repensará as atitudes tomadas, onde os civis é quem mais sofrem, a Ucrânia está servindo de boi de piranha. Logo, logo existirá uma outra ordem mundial, e essa moeda podre deixará de comandar tudo.
  • #Jorge CarvalhoJorge Carvalho 2 Fevereiro, 15:47
    Até parece que os EUA não enviam armamentos pessados e letais pra Kiev. Até parece que o pessoal da Otan não treina o falido exército ucraniano. Até parece que o armamento de Donetsk e Lugansk é superior ao da Ucrânia. A verdade é que a Ucrânia já tem mais o que fazer, a independência do Lest é uma realidade e a tendência é a emancipação política e geográfica chegar até Odessa.
  • #gilsongilson 2 Fevereiro, 17:04
    vamos por partes: Zé Chico Chico... a NWO (Nova Ordem Mundial) serve aos interesses do grupo que governa os EUA. Obama é só uma marionete deste grupo. Este grupo que comanda os EUA, o mesmo que matou JFK, quer provocar uma guerra na Europa. A destruicao do dólar foi causada por eles mesmos Zé Chico. É paradoxal mas é por ai mesmo. A Nova Ordem derá composta por essa mesma gentinha e se o dólar quebrar eles tao se lixando. Todos eles tem ouro e diamantes estocados. Quem tem dinheiro é povao. JORGE Carvalho: as armas dos "Separatistas" sao mais modernas sim, pois os separatistas sao em parte tropas especiais Russas, talvez hajam até Spetnaz no meio. Agora se os EUA fizerem isto vai melar de vez. Vao morrer mais soldados Russos, o preco para a Rússia vai aumentar e é capaz que a Rússia de "um tapa na orelha" nos Americanos. Fornecer 3 bilhoes em armas para a Ucrania é provocar um conflito sério na Europa. Seria um agravo contra os Europeus pois seriam eles os primeiros a sofrer as consequencias. Fica mais claro porque a Rússia e a China vao atacar os EUA um dia, segundo "profecias" modernas.
  • #CARLOS CARLOS 2 Fevereiro, 18:14
    o mídia brasileira é comprometida com os norte americanos...............não possuem opinião própria......
  • #Josias NikimJosias Nikim 2 Fevereiro, 18:23
    quem atreva?ANIELA BIBI?
  • #GRIFAOGRIFAO 5 Fevereiro, 16:08
    Pois é, pois é, jovens que amam a "mãe Rússia", podem dar tchu e adeus à possibilidade de expressarem suas opiniões, pois sputnicaram tal possibilidade no novo portal do Voz da Rússia. Verdade seja dita, havia me retraído daqui ao saber da péssima decisão russa de partirem para fabrico de robôs inteligentes e autônomos, talvez por premonição, mas convenhamos que isso é uma sacanagem por parte do governo russo, que certamente será apreciada muitíssimo pelo desgoverno do PT que domina o Brasil e grande parte da América do Sul.

Nenhum comentário:

Postar um comentário