segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

ENTRE SANÇÕES - FRANÇA E RÚSSIA NO CAMINHO DO ENTENDIMENTO OFICIAL


 Paris quer normalizar as relações com Moscou

Lavrov Holland Meeting:
O chanceler russo, Sergei Lavrov
© RIA Novosti. Sergei Kuznetsov
2015/12/01 16:01
MOSCOU, 12 de janeiro - RIA Novosti

Ministre russe des Affaires étrangères Sergueï Lavrov

Moscou e Paris querem promover a sua cooperação (Official)
Paris tem uma política injusta em direção a Moscou (Roland Dumas)
As sanções contra a Rússia: Holland defende uma "desescalada"

O chanceler russo, Sergei Lavrov, disse segunda-feira que se reuniu domingo em Paris com o presidente francês, François Hollande, e sentiu seu desejo de "superar a situação insalubre" nas relações entre a Rússia e a França.

"Eu encontrei nele o desejo de ultrapassar esta situação insalubre", disse o ministro, ao comentar sua breve entrevista com o chefe do Estado francês realizada antes da marcha republicano em Paris, onde Sergei Lavrov liderou a delegação russa.

O ministro disse que a resposta ao terrorismo deve envolver "uma análise do problema a fundo, e ao estabelecimento de uma cooperação urgente."

"Os mecanismos dessa cooperação [entre a Rússia e a França] ter existido e funcionado de forma eficiente o suficiente. Eles foram congelados, mas não foi nossa iniciativa", disse o chefe da diplomacia russa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário