segunda-feira, 2 de junho de 2014

UCRÂNIA - APÓS ESCARAMUÇA SOLDADOS UCRANIANOS SE RENDEM A MILICIANOS EM LUGANSK


Ontem, 15:20

Soldados ucranianos começam a render-se a milicianos de Lugansk

ucrânia, lugansk, combate

Depois de horas de batalha, os Soldados da Ucrânia começaram a render-se à milícia da região de Lugansk, segundo noticia a RIA Novosti.

Na segunda-feira, a milícia atacou a sede da direção geral do Serviço de Guarda Fronteiras da Ucrânia em Lugansk. O ataque final começou às 07h00 locais (01h00, em Brasília). Alguns guarda-fronteiras ficaram feridos. De acordo com o Serviço Nacional de Guarda Fronteiras, cinco milicianos foram mortos.
Até o momento, cerca de 10 guardas, que são, de acordo com dados preliminares, reservistas recém-mobilizados, decidiram parar de resistência e se renderam. No território da sede do Serviço de Guarda Fronteiras continuam permanecendo cerca de 150 pessoas.
Em 22 de fevereiro, a Ucrânia sofreu uma mudança de poder, considerada por muitos como um golpe de Estado. Várias regiões do sudeste do país não reconheceram a legitimidade do novo governo. Os independistas se mobilizaram ali em protestos, enquanto as autoridades de Kiev responderam lançando contra eles uma operação militar especial, que já levou a dezenas de mortos e feridos.
Piotr Poroshenko, presidente da Ucrânia eleito em 25 de maio, exigiu que as forças armadas e de segurança completem antes de sua inauguração em 7 de junho a operação de "limpeza" nas regiões de Donetsk e Lugansk, onde as autoproclamadas repúblicas populares efetuaram referendos e declararam sua independência.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_06_02/guarda-fronteiras-ucranianos-comecam-a-render-se-a-milicianos-de-lugansk-5982/

Nenhum comentário:

Postar um comentário