quarta-feira, 14 de maio de 2014

UCRÂNIA - Referendo é a resposta para a junta golpista Sionista de Kiev - FOTOS DE ATAQUES A CIVIS E DO PLEITO

Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.


"Referendo é a resposta para a junta golpista Sionista de Kiev e ao JUDAICO SIONISMO DE ISRAEL"


Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. 

É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. 

O Kremlin disse que "respeita" e "acata" os resultados do plebiscito. 

Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. 

O boletim tinha apenas uma pergunta: " Apoia o ato de independência da República Donetsk / Lugansk ? " A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, e contra apenas — 10%. Na RPL 98% e somente 5% por cento, respetivamente. Fotos AP.

Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.
Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.
Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.
Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.

Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.
Referendo é a resposta  para a junta de Kiev Último domingo na região ucraniana de Donbass que inclui províncias de Donetsk e Lugansk foi realizado o referendo pela independência que delineou um plano de atividades das repúblicas autoproclamadas. É a reeleição do parlamento, a nomeação do novo governo e o divórcio civilizado com Kiev. O Kremlin disse que  respeita  os resultados do plebiscito.  Comparecimento às urnas na República Popular de Donetsk (RPD) foi de 75 por cento, na República Popular de Lugansk (RPL)- 81 por cento. O boletim tinha apenas uma pergunta:   Apoia o ato de independência da RepúblicaDonetsk / Lugansk ?   A favor da soberania na DNR votaram 90 por cento, contra — 10 por cento. Na RPL 98 e 5 por cento, respetivamente.  Fotos AP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário