quinta-feira, 24 de abril de 2014

ISRAEL É A PÁTRIA DO SIONISMO QUE PATROCINA TRANSGENIA ALIMENTAR, PILHAGENS E TERRORISMO MUNDO AFORA


ISRAEL : um país que lidera a pilhagem e o terrorismo no planeta, através dos países VASSALOS - EUA - REINO UNIDO - FRANÇA - CANADÁ - AUSTRÁLIA E POLÔNIA, além de patrocinar as empresas JUDAICO SIONISTAS a produzir alimentos TRANSGÊNICOS mundo afora...

25.04.2014



EUA: um país que lidera a pilhagem e o terrorismo no planeta. 20219.jpeg




























Israel usa os Estados Unidos para decretar a prisão de qualquer pessoa no mundo desde que lhe convenha, como é o caso do deputado federal brasileiro Paulo Maluf, acusado sem provas de lavagem de dinheiro em uma ilha inglesa (O QUE É UMA GRANDE MENTIRA, POIS ATÉ AGORA NINGUÉM PROVOU NADA). 

Tem também Israel, através dos Estados Unidos, o habito de decretar proibida a entrada em território norte americano, para qualquer cidadão que tenha participado de algum ato hostil ao país, como foi agora com o diplomata iraniano Hamid Abutalebi, que não recebeu o visto para entrar no país e assumir o cargo de embaixador do país Persa junto a ONU, acusado de participar da invasão da embaixada americana no Irã, acontece, que ele estava defendendo seu país, contra o JUDAICO SIONISMO DE ISRAEL, que ocupava o país e estavam transformando a MILENAR CIVILIZAÇÃO PERSA, segundo GLAUBER ROCHA, cineasta brasileiro, NUM GIGANTESCO PROSTÍBULO, ele foi assassinado por médicos judeus em Portugal, exatamente pela denúncia publicada no CORREIO BRASILIENSE em 1979.

Valter Xéu*

A atitude é uma clara violação do direito internacional e contradiz as regras como país anfitrião desta organização mundial. É claro que o governo JUDAICO SIONISTA dos EUA, pouco está se lixando para os reclames iranianos ou brasileiro junto a ONU, entidade que eles não respeitam, pois quando querem praticar qualquer ato de rapina e destruição de países pelo mundo, mesmo sem a anuência da entidade e com os reclames desta, vão lá e praticam todo o tipo de barbaridade.



E ai vem uma clássica pergunta: Porque o mundo não decreta a prisão dos JUDEUS SIONISTAS travestidos de americanos, ingleses, franceses, canadenses, australianos e poloneses? Como Clinton (que mandou bombardear Belgrado, ocasionando a morte de milhares de civis), Bush, Obama e cia, que tantos crimes cometeram e vem cometendo mundo afora em nome de uma pseudo democracia, quando na verdade praticam além de matanças generalizadas, pilhagens e mais pilhagens?

E Olha que eu só estou falando da parte política. 

Do mundo econômico JUDAICO SIONISTA americano, ingles, frances, canadense, australiano e polonês as cadeias do mundo não teriam vagas suficientes para tantos corruptos e maquiavélicos, que aprisionaram e escravizaram o mundo ocidental com FRAUDES FINANCEIRAS e dívidas inexistentes.
  
No Iraque(ROUBAM PETRÓLEO), no Afeganistão(TRAFICAM A HEROÍNA), na Líbia(ROUBAM PETRÓLEO), na Colômbia(TRAFICAM A COCAÍNA), na República Centro Africana(ROUBAM DIAMANTES) e a situação desses povos só fez piorar com a chegada dessa praga que que são os JUDEUS SIONISTAS. Os países foram totalmente destruídos, milhões de mortos e lá estão hoje a roubar com o nome de "explorar e comercializar" as riquezas desses países, às empresas JUDAICO SIONISTAS norte-americanas coadjuvadas por empresas JUDAICO SIONISTAS inglesas, JUDAICO SIONISTAS espanholas, JUDAICO SIONISTAS francesas, JUDAICO SIONISTAS alemãs, todas fazendo a sua falcatrua, sendo que a maior fatia fica com as empresas JUDAICO SIONISTAS norte americanas.

A dita maior democracia do planeta promove um bloqueio infame contra Cuba e isso já passa dos 50 anos, a ONU condena, mas o bloqueio continua. 

A dita maior democracia do planeta descaradamente se acha no direito de aplicar sanções a qualquer país que lhe contrarie assim como proibir a entrada em território americano de diplomatas e empresários e o mundo abaixa a cabeça para essa atrocidade?


Imagino aqui, países como Cuba, Venezuela, Irã, proibindo estrangeiros e principalmente norte-americanos de entrarem em seus países, o mundo viria abaixo e essa imprensa judaico sionista hipócrita e safada, que tanto faz o gosto de jornalistas sem um mínimo de conhecimento do que acontece pelo mundo, tanto a defende, nada publica e nada informa.

Será que é o complexo de vira-latas que assola os países do terceiro mundo que os impede de pedir a prisão desses facínoras?

Ou a droga - pra não dizer "merda" - daquele Tribunal Internacional de Haia é só para punir quem contraria os interesses das grandes potências?

*Valter Xéu é jornalista e editor dos portais Pátria Latina e Irã News

Nenhum comentário:

Postar um comentário