domingo, 23 de fevereiro de 2014

TERROR JUDAICO SIONISTA NO AFEGANISTÃO - MATAM 19 SOLDADOS

TERRORISTAS MERCENÁRIOS A SERVIÇO DOS JUDEUS SIONISTAS, DECEPCIONADOS COM O FRACASSO NA SÍRIA, TENTAM AGORA MANTER A DESESTABILIZAÇÃO NO AFEGANISTTÃO, ATACAM OS VÁRIOS COMPONENTES DA POLÍTICA LOCAL, JOGANDO A CULPA, ORA DE UM LADO, ORA DO OUTRO, COM UM ÚNICO OBJETIVO – MANTER A GUERRA SECTÁRIA, O QUE NÃO PASSA DE UMA GUERRA CIVIL FABRICADA,  ENFRAQUECER OS CONTENDENTES E MANTER A OCUPAÇÃO DO PAÍS, ATRAVÉS DO EXÉRCITO, QUE POR SUA VEZ É DIRIGIDO POR AGENTES DO MOSSAD ISRAELENSE, E É CLARO, CONTINUAR  COM A EXCLUSIVIDADE DO NARCOTRÁFICO DA HEROÍNA E A ROUBAR O PETRÓLEO DOS IRAQUIANOS, O MESMO SISTEMA ESTÁ SENDO APLICADO NA LYBIA, EGITO, SUDÃO DO SUL, GABÃO E REPÚBLICA CENTRO AFRICANA, NESTES DOIS ÚLTIMOS PAÍSES, ESTÃO SE APROPRIANDO DAS MINAS DE DIAMANTES, QUE SÃO A MAIOR RESERVA MUNDIAL DESTE VALIOSO MINÉRIO.


HÁ AINDA A COLÔMBIA, A EXCLUSIVIDADE DO NARCOTRÁFICO DA COCAÍNA.

ATENTE-SE AO FATO - OS MUÇULMANOS SÓ ATACAM A SÍ MESMOS - FATO ILÓGICO E MENTIROSO, POIS NÃO HÁ UM ÚNICO ATAQUE CONTRA OS INVASORES 

Ataque talibã a posto de controle mata 19 soldados afegãos

Afeganistão

Pelo menos 19 soldados morreram neste domingo em um ataque talibã a um posto de controle no leste do Afeganistão, em uma operação na qual a insurgência capturou também sete militares, informou à Agência Efe uma fonte oficial.


O ataque aconteceu de madrugada no distrito de Ghaziabad, na província de Kunar, afirmou o porta-voz do governador provincial, Abdul Ghani Musamin, assegurando além disso que morreram "mais de três talibãs".
O porta-voz acrescentou que por volta das 10h30 (horário local, 3h de Brasília) o ataque ainda não tinha terminado e que membros do Exército Nacional do Afeganistão (ANA) e da polícia fizeram uma operação conjunta na região para tentar libertar os soldados capturados.
--EFE

Nenhum comentário:

Postar um comentário