terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

TERROR JUDAICO SIONISTA NA VENEZUELA - PRESO O LÍDER DAS MANIFESTAÇÕES INFUNDADAS

ÓBVIO ULULANTE

MARCA REGISTRADA DO JUDAICO SIONISMO - O MESMO ESTILO USADO NA SYRIA, UCRANIA, EGITO E ARGENTINA, TENDO COMO PONTA DE LANÇA A MÁFIA DA MÍDIA

Manifestantes tomam ruas de Caracas após detenção de oposicionista venezuelano

Manifestantes tomam ruas de Caracas após detenção de oposicionista venezuelano

Dezenas de milhares de manifestantes tomaram as ruas da capital da Venezuela nesta terça-feira depois que forças de segurança detiveram o líder da oposição Leopoldo López, acusado de fomentar a agitação contra o governo e a violência que já matou pelo menos quatro pessoas.


Manifestantes vestidos de branco bloquearam o tráfego nas ruas de Caracas enquanto um veículo de segurança transportando o economista de 42 anos andava lentamente depois que ele se rendeu às forças de segurança durante uma manifestação da oposição.

A prisão de López poderá inflamar a oposição e estimular mais manifestações de rua contra o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, embora não haja nenhum sinal imediato de que os protestos vão derrubar o líder socialista.

"Não tenho nada a esconder", disse ele a partidários antes de sua detenção.
Minutos depois, ele se entregou a militares, com o punho fechado e entrando no veículo com uma bandeira venezuelana em uma mão e uma flor branca na outra.

López, um jovem economista formado em Harvard e proibido pela justiça de exercer cargos públicos, afirmou que nunca deixará a Venezuela e pediu por uma "saída pacífica deste desastre", em um país que vive uma grave crise econômica, com uma inflação de 56,3% e uma severa falta de alimentos e produtos de primeira necessidade.

--Folha Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário