segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

UCRÂNIA - DEPUTADO UCRANIANO PEDE INTERVENÇÃO À RUSSIA


13

Deputado ucraniano pede introduzir tropas russas na Ucrânia


Vladimir Putin
Vladimir Putin

Serguei Smolianinov, deputado da câmara municipal de Sevastopol, exortou o presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, a introduzir tropas russas na Ucrânia.

De acordo com Smolianinov, “serviços de inteligência ocidentais e seus agentes empreenderam uma tentativa de derrubar o governo legítimo” do país.
Nesta conexão, ele pede que o presidente russo “entre em acordo com o governo da Ucrânia na entrada no território nacional das forças armadas da Federação Russa, para proteger (a Ucrânia) contra o exército dos EUA e os agressores da OTAN”.
Comentários 13
  • FernandoFernando, #
    Eu acho que isso vai ser feito no momento em que o governo for derrubado
  • FernandoFernando, #
    A parte Leste do país pertence a Russia. Com fim da união soviética as fronteiras deveriam ter sido revistas para evitar essa bagunça.
  • Américo Neves da Silva GuerreiroAmérico Neves da Silva Guerreiro, #
    JÁ OBTÉM TINHA ESCRITO QUE A CIA E SEUS LACAIOS QUEREM A TODO CUSTO DERRUBAR O GOVERNO LEGÍTIMO ELEITO PELO POVO DA UKRANIA PARA CAÍREM NO DESASTRE ECONÓMICO
  • Américo Neves da Silva GuerreiroAmérico Neves da Silva Guerreiro, #
    Avante sr. Putim. O senhor está as coisas no seu devido sítio
  • Leslie SzaboLeslie Szabo, #
    COMO A OTAN VERIA ISTO? OS MARINES LOGO ESTARIAM NA UCRANIA
  • Scherer AlexanderScherer Alexander, #
    Leslie, bem se vê que você não conhece história. A Rússia como nação nasceu a partir do Protetorado de Kiev, era ali a sede da nação russa, que em viking quer dizer remador. A Ucrânia já era parte do Império Czarista. Deixe de ser burra e estude sobre o cerco alemão à Kiev e o final do jogo em Kursk na própia Ucrânia. Para de Hollyglamourizar os States e estude inclusive na 2a. Guerra Mundial o que foi a batalha da Mandchúria e depois volte a escrever algo decente.
  • Scherer AlexanderScherer Alexander, #
    A Ucrânia é a própia Rússia, seria pior do que tirar o Texas dos USA, que entraram na União depois. O que o Ocidente quer é saquear as riquezas da Ucrãnia e depois ainda endividá-la. E se como você Leslie exorta tanto os marines, por que não fizeram nada na Guerra da Geórgia? Pois segundo você diz a Rússia não é mais nada, então por que querem cercá-la. Queridinha bem se vê que você não nasceu ontem, mas a partir de qualquer idéia pré-concebida.
  • JOÃO CARLOSJOÃO CARLOS, #
    A Rússia deverá e é suficientemente inteligente para não ir numa asneira dessa natureza.Uma situação destas, entrada de tropas Russas na Ucrânia, poderia provocar um conflito sem controlo com a EU & USA que neste momento não tem qualquer sentido, porque muitos outros pontos do mundo se incendiavam pelo certo. Como a Síria o Irão....a Russia ficaria para a história como a causadora deste conflito sem sentido e responsável pela quantidade imensa de mortes.....inimaginável.

  • Scherer AlexanderScherer Alexander, #
    Leslie querida parece que você somente conhece um pouquinho, eu disse um pouquinho da história russa a partir de 1917 após a Revolução e por Propaganda Ocidendal. Não estou aqui falando do Partido da Juventude na era Comunista, mas do própio Império Russo já de 1000 anos atrás, desde Alexander Newsky, Ivã IV, Catarina Alemã a Grande, Pedro o Grande. Estas áreas sempre pertemceram ao Império Russo queridinha, bem se vê que você aqui dentro da Voz da Rússia funciona como agente desinformante do Ocidente. Parece até um Rede Bobo que aqui no Brasil noticiou que a Ucrânia é como a Polônia como uma Grande População Católica. Querida mais de 90% da População da Ucrânia é Ortodoxa, metade é ligada ao Protetorado de Kiev e a outra metade ao Protetorado de Moscou. Por gentileza, vouescrever aqui pela milésima vez, estude História de um País antes de ser uma Palpiteira.
  • Ricardo Socorro Nyara DaraRicardo Socorro Nyara Dara, #
    Não existe nenhuma novidade aqui, pois esta é a prática utilizada há anos pelos países Ocidentais, mormente os EUA, para desestabilizar governos no intuito de obter vantagem econômica!E tendo o país um sistema político Democrata, melhor ainda, mais fácil, pois a democracia como sabemos é frágil, permitindo a infiltração e manipulação pelo capital, que desestabiliza toda uma sociedade civil e governos eleitos legitimamente.
  • Ricardo Socorro Nyara DaraRicardo Socorro Nyara Dara, #
    Desculpe discordar Leslie, mas Scherer tem toda razão quando fala em conhecer a história! Você acusa a Russia de incompetência por Chernobyl, mas esqueceu que em Three Mile Island (Pensilvânia), uma falha humana impediu o resfriamento normal de um reator, cujo centro começou a derreter. Os dejetos radioativos provocaram uma enorme contaminação no interior do recinto de confinamento, destruindo 70% do núcleo do reator. Um dia depois do acidente, um grupo de ecologistas mediu a radioatividade em volta da usina. Sua intensidade era oito vezes maior que a letal. Cerca de 140 mil pessoas foram evacuadas das proximidades do local. O acidente foi classificado no nível 5 da escala internacional de eventos nucleares (INES), que vai de 0 a 7. Outro também ocorrido nos Eua, foi o de um vazamento de urânio em uma instalação nuclear secreta perto de Erwin (Tennessee) que contaminou cerca de mil pessoas. Como se denota cara Leslie, o Scherer tem toda razão! Não se pode acusar alguém de incompetência em detrimento do outro, quando o outro esta acometido das mesmas práticas! Sendo assim, tal acusação não passa de mera aberração! Agindo assim, seus argumentos ficam fragilizados e, acabam por cair no ridículo dos demais, simples tendenciosíssimo, o que seria indesejável para você! E tem mais! As ditas atrocidades e crueldades cometidas pelos Russos, são ínfimas perto das atrocidades praticadas ao longo dos anos pelos americanos e seus aliados. Somente para elucidar, vamos a elas: 1. O Exército norte-americano no Vietnã. Durante a guerra, no período de 1962 até 1971, as Forças Armadas dos EUA despejaram cerca de 20 milhões de galões – 88,1 milhões de litrosaproximadamente - de armamento químico no país asiático. O governo vietnamita estima que mais de 400 mil pessoas morreram vítimas dos ataques; 500 mil crianças nasceram com alguma deficiência física em função de complicações provocadas pelos gases tóxicos. E o dado mais alarmante: mais de um milhão de pessoas têm atualmente algum tipo de deficiência ou problema de saúde em decorrência do Agente Laranja - poderosa arma química disparada durante o conflito. 2. Israel ataca população palestina com Fósforo Branco. Segundo grupos ligados aos direitos humanos - como Anistia Internacional e Human Rights - o material altamente venenoso foi disparado em 2009 contra civis de origem palestina em território israelense. O Exército negou na época o uso de armas químicas. No entanto, alguns membros das Forças Armadas admitiram os disparos. Clique aqui e veja a reportagem. 3. Washington atacou iraquianos com Fósforo Branco em 2004. Jornalistas que participaram da cobertura da Guerra do Iraque reportaram que o Exército norte-americano utilizou armas químicas na cidade de Fallujah. Inicialmente, os militares se justificaram dizendo que o material serviu apenas para “iluminar o local ou criar cortinas de fumaça". No entanto, o documentário “Fallujah, o massacre encoberto”, do diretor Sigfrido Ranucci, apresenta evidências do ataque com depoimentos com membros das Forças Armadas dos EUA admitindo o episódio. Crianças e mulheres foram as principais vítimas. 4. CIA ajudou Saddam Hussein a massacrar iranianos e curdos em 1988 com armas químicas. Documentos da Inteligência norte-americana divulgados uma década depois revelam que Washington sabia que Saddam Hussein utilizava armas químicas na guerra Irã-Iraque. Mesmo assim, continuou colaborando com o presidente iraquiano. No começo de 1988, em específico, Washington alertou Hussein do movimento de tropas iranianas. Usando a informação, foi feito um ataque químico que massacrou tropas do Iraque em um vilarejo povoado por curdos. Cerca de cinco mil pessoas morreram. Outras milhares foram vítimas de complicações em decorrência dos gases venenosos. 5- EUA realizaram testes químicos em bairro pobre e negro de St Louis. No começo da década de 50, o Exército norte-americano organizou um teste de militar em alguns bairros populares de St. Louis - caracterizados por ter maioria negra. O governo disse aos moradores que realizaria um experimento com fumaças de iluminação "contra ameaças russas". No entanto, a substância atirada na atmosfera continha gases sufocantes. Após os testes, um número grande de pessoas da região desenvolveu câncer. Não há informações oficiais do número de pessoas vítimas do ataque químico. 6 - Exército norte-americano bombardeou tropas iraquianas com armas químicas em 2003. A cruzada de Washington à procura de armas nucleares teve episódios de disparos químicos contra os militares iraquianos, que acabaram atingindo civis. Durante 2007 e 2010, centenas de crianças nasceram com deficiências. “As armas utilizadas no confronto no Iraque destruíram a integridade genética da população iraquiana”, afirmou na ocasião Cristopher Busby, o secretário do comitê europeu de Riscos de Material Radioativo. 7- Japoneses são massacrados com Napalm entre 1944-1945. Em 1980, a ONU (Organização das Nações Unidas) declarou que a utilização do Napalm (um tipo de álcool gelatinoso de alto grau de combustão) seria a partir de então considerada crime de guerra dado o efeito absolutamente devastador da substância. Durante a Segunda Guerra Mundial, o Exército norte-americano derrubou sobre os japoneses o suficiente para queimar 100 mil pessoas, deixar mais um milhão feridas e destruir milhares de residências. Portanto Leslie, devemos ver a história antes de atacarmos alguém ou algum país, para que possamos ter argumentos fortes e convincentes, como formadores de opinião e não ficar a fomentar balelas e aberrações sem fundamentos históricos!
  • Ronaldo P da SilvaRonaldo P da Silva, #
    Alguém me explique, por favor, o que a Ucrainia irá ganhar aliando-se a Europa Ocidental decadente? É uma questão de tempo para o euro se esfacelar, se não fosse pela Alemanha isso já teria ocorrido faz tempo.
    Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/2013_12_02/Deputado-ucraniano-pede-introduzir-tropas-russas-na-Ucr-nia-7433/

Nenhum comentário:

Postar um comentário