Em entrevista ao semanário alemão Der Spiegel, Aleksander Kwasniewski declarou que ainda no verão passado estava claro que a Rússia iria dar passos duros para "torpedear" a celebração do acordo.
Na opinião de Kwasniewski, o Ocidente subestimou na altura a decisão do Kremlin da mesma forma que subestima os atuais acontecimentos em Kiev.
Ele criticou também a falta da disposição da UE de propôr à Ucrânia um nítido programa de ajuda financeira.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2013_12_08/para-kwasniewski-uniao-europeia-subestimou-decisao-de-putin-3683/