Os documentos fazem parte de um relatório oficial, compilado pelo ex-analista da CIA, Edward Snowden e cedido àquele jornal pelo diário britânico The Guardian.
"A Venezuela, por exemplo, foi um dos seis "alvos permanentes" na lista oficial da missão da NSA, de 2007, conjuntamente com a China, a Coreia do Norte, o Iraque, o Irã e a Rússia", explica o jornal.