Em particular, o Buran, em comparação com ônibus espacial americano, conseguiu estar em órbita o dobro de tempo, transportar o dobro da carga e um maior número de tripulantes (10 tripulantes em vez de sete).
A diferença principal é o fato de a nave espacial soviética ser capaz de decolar e pousar automaticamente.
Em 15 de novembro de 1988, o Buran fez seu primeiro e único voo. Os trabalhos foi interrompidos após o colapso da União Soviética.