Os peritos russos e suíços exerceram o trabalho a pedido das autoridades palestinas. Amostras de tecidos biológicos foram entregues também a especialistas franceses que as estudam no contexto do processo criminal iniciado pela viúva do falecido, Suha Arafat. Ontem, ela anunciou em Paris que os resultados dos peritos suíços confirmam a versão do envenenamento de seu marido.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2013_11_07/relatorio-sobre-causas-de-morte-de-arafat-sera-tornado-publico-este-sabado-7042/