As detonações ocorreram a 300 m do hotel Four Seasons, onde estão alojados os inspetores da ONU e da Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ). O hotel não ficou danificado pelas explosões, não há mortos, nem feridos entre os inspetores.
Uma granada rebentou perto de uma escola, outras - no telhado de um prédio. O incidente matou uma criança, de 8 anos de idade, e feriu 11 pessoas.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2013_10_12/alvejado-hotel-com-inspetores-da-onu-e-da-opaq-em-damasco-2183/