No respetivo informe afirma-se que o Irã e a Síria celebraram em novembro de 2012 um acordo que permite ao presidente da Síria, Bashar Assad, "instalar uma parte considerável de sua Força Aérea no territorio iraniano, para poder utilizá-la em caso de necessidade".
Além disto, antes se informou que o Irã havia enviado para a Síria unidades de elite da Guarda Republicana para ajudar o governo de Damasco em sua guerra contra os insurgentes.