sábado, 19 de outubro de 2013

BRASIL EM CONVULSÃO - PORQUE POLÍCIA ATIRA EM MANIFESTANTES?

Jovem é baleada em protesto contra morte em Manguinhos, que protestava por moradia no Rio

brasil, polícia

Uma jovem de 17 anos foi baleada na perna durante um protesto contra a morte de um morador da favela de Manguinhos, zona norte do Rio.

De acordo com familiares, o estudante Paulo Roberto Pinho de Menezes, 18, morador da comunidade foi espancado e morto por policiais da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora), na madrugada desta quinta-feira.
Desde o início da manhã até a tarde, moradores protestaram contra o morte do rapaz. Segundo eles, o tiro que acertou a jovem partiu de policiais que continham a manifestação.
As suspeitas contra a UPP ocorre em meio às investigações sobre o desaparecimento do ajudante de pedreiro Amarildo de Souza, 43.
Ele foi visto pela última vez ao ser levado por policiais para uma base da unidade na favela da Rocinha, em julho.
Dez PMs estão presos sob acusação de tortura seguida de morte e ocultação de cadáver, incluindo o ex-comandante da UPP local, Edson Santos. Ele nega a acusação.
-- Folha Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário