segunda-feira, 23 de abril de 2012

CHAVEZ “O PATRIOTA” – I N E S Q U E C Í V E L - 60% A MAIS QUE O SIONISTA CAPRILLES


Assim foi o saudoso

Ora se o Sionista-Caprilles tem 34% - Chavez tem os mesmos 34%, mais 19% que representam mais de 60% dos votos dados ao Sionista concorrente, Chávez ganhará no 1º. Turno de lavada!

Quanto ao boato de sua morte, são apenas BOATOS, que representam o desejo dos SIONISTAS, com medo de que o PATRIOTISMO de CHAVEZ, se espalhe mundo afora, aí sim, eles ficarão na berlinda!   

23/04/2012 - 16h18

Chávez abre 19 pontos em eleições na Venezuela, diz pesquisa
PUBLICIDADE
DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS
O presidente venezuelano, Hugo Chávez, está 19 pontos percentuais acima de seu adversário, Henrique Capriles, nas intenções de voto para as eleições presidenciais do país, em outubro. O resultado sai em meio a rumores sobre a saúde do mandatário, que está há nove dias em Cuba sem dar informações.
O estudo do instituto Hinterlaces, divulgado pela emissora estatal Venevisión, mostra que Chávez tem 53% dos votos, contra 34% do oposicionista. A enquete foi produzida entre 10 e 18 de abril com 1.529 pessoas. A margem de erro é de 2 pontos para mais ou para menos.
A gestão do presidente também é avaliada como positiva por 66% dos entrevistados e cerca de 75% dos eleitores acreditam que Chávez se recuperará para participar das eleições.
O presidente do Hinterlaces, Oscar Schemel, avalia que o ambiente político venezuelano está muito influenciado pelo clima emocional no país, o que faz com que o governo de Chávez não receba um julgamento sobre sua gestão, mas sim uma avaliação moral.
Nas últimas semanas, foram divulgadas outras pesquisas de intenções de voto, todas apontando vitória para o mandatário. No entanto, as margens de erro variam de quatro a 30 pontos, apesar de que a maioria dá vantagem de mais de dez pontos para Chávez.
RUMORES
O resultado da pesquisa sai em meio a uma viagem de Chávez a Havana para o tratamento de radioterapia contra um câncer na região pélvica, extraído em 26 de fevereiro. Apesar de nove dias decorridos do início das sessões, não há informações sobre o estado de saúde do presidente, o que gera rumores sobre sua morte.
Nesta segunda-feira, o governo venezuelano desmentiu informações de que o presidente teria morrido. Em mensagem no microblog Twitter, o presidente da Assembleia Nacional, Diosdado Cabello, criticou as mensagens, difundidas por alguns meios de comunicação.
"A verdade é que essas pessoas amargas não aprendem. Eles estão dizendo há dias que o presidente morreu. A única coisa que não tem vida aqui é esse perdedor", afirmou o parlamentar, fazendo referência ao candidato opositor Henrique Capriles.
Cabello também disse que o presidente se recupera e voltará nesta semana à Venezuela, onde aprovará medidas para os trabalhadores venezuelanos antes do feriado de 1º de maio.
Capriles criticou o presidente e os parlamentares, que autorizaram a viagem sem designar a presidência ao vice, Elías Jaua, afirmando que Chávez governa pelo Twitter.
"Governando pelo Twitter, aprovando leis pelo Twitter, sem consultar ninguém, é um insulto ao nosso povo. Os problemas do país não podem ser resolvidos pelo Twitter".

Nenhum comentário:

Postar um comentário